sábado, 17 de março de 2012

Rio de Janeiro #1


Cheguei dia 17 pela manhã no Galeão, de lá fomos direto pro Campo Escola 2000, uma das falésias mais clássicas do Rio. Encontramos o Felipe (PE/RJ) e uma galera boa que estava por lá. Resolvi minha primeira dívida: Zona Morta (8b) no primeiro pega do dia e dei umas entradas na Migalhas Indecentes, eu não esperava mas o 9a saiu na segunda entrada, com os betas precisos dos cariocax, e como sempre deixamos uma dívida pra trás, o 9c ficou isoladinho...aiaiai

No dia seguinte botei uma pilha de escalar uma parede, algo mais tranquilo e a Mari me levou no Contra-forte do Corcovado, um setor só com vias de aderência, escalamos a "Discreto charme da burguesia" e outra via que ainda não descobrimos qual era. Muito divertido essa tal de aderência!

Discreto charme da burguesia (IV 150m)

Mais um dia, mais um lugar diferente, e duas dívidas quitadas. Barrinha! Uma impressionante falésia carioca com vias de aprox. 30m levemente negativas com bons regletes. Entramos na Calça-Frouxa (8a) onde a Mari quitou sua dívida e depois fomos pra Filé com Certeza (9a) com o Felipe e o Crois (GO). Ano passado eu tinha dado duas entradas nessa via e sentido bastante dificuldade pra isolar o final, de tão bombado que eu tava, mesmo descansando na corda foi tenso. Pra minha surpresa saiu a cadena! E o melhor: bastou 1 entrada, entrei me sentindo bem, passei o crux não tão bombado e cheguei no agarrão de descanso antes da parte final, onde os regletes são menores, dali pra cima eu tive que sacar as costuras, justo na parte que eu sofri ano passado, mas eu não queria cair de jeito nenhum pois a via é enorme e uma entrada já esgota todas minhas energias, fui me salvando até costurar a parada. Depois foi só ir pro Osvaldo e comemorar com a galera!!

Uma tarde no Platô da Lagoa, mais uma falésia, famosa por ter tido agarras cavadas pelos franceses a alguns anos pra viabilizar um campeonato, hoje em dia não se faz mais isso. Lá as vias são menores e as agarras mais abrasivas. Saiu a Ramos (8b) que era outra dívida, além da Lagoa Rasta Extendida (8a), bonita via de cristaleira e sem agarra cavada.

Descansamos e no dia seguinte fui com o Cróis (GO) pra Passagem dos Olhos na pedra da Gávea, a via é famosa por ter o visual mais bonito do Rio (quando não está nublado, é claro...) e por ser quase toda em horizontal, fazendo com que o guia e o participante tenham a mesma sensação bacana!
Cróis na Passagem dos Olhos

Cabeça do Imperador (a linha da via atravessa os "olhos")

Voltamos pro Platô onde entramos na Cristal Mágico (VI) e com os betas do Felipe, mas fazendo "tudo errado", saiu a cadena em flash da Diabo Verde (8c).

Mari e Felipe na Lagoa Rasta (8a)

Depois fomos com o Grilo nos Primatas, setor que eu não conhecia, um negativão com umas 4 vias de 8c a 10a, as vias são mais curtas com média de 5 costuras em cada via. Saiu a Orangorock (8c) no segundo pega! Depois entramos na Religare (9b) que ficou pra próxima tb.

<iframe src="http://player.vimeo.com/video/39059452?color=00f000" width="500" height="281" frameborder="0" webkitAllowFullScreen mozallowfullscreen allowFullScreen></iframe> <p><a href="http://vimeo.com/39059452">Tentativa na Religare (9b) - Primatas/RJ</a> from <a href="http://vimeo.com/user2479792">Cau&iacute; Cunha</a> on <a href="http://vimeo.com">Vimeo</a>.</p>

(se não funcionar, o vídeo está aqui: https://vimeo.com/39059452 )

Religare (9b)
Jacarepaguá! Fomos com a Flávia, Felipe e mais uma galera pra lá. Existem várias falésias além da pedra Hime, tudo pertinho um do outro com vias de todos os graus. Fomos na falésia secreta onde entrei na Cortina de Fumaça (8a) que saiu de segunda e na Tomaton (7c?), linda via que saiu de prima. A Mari quitou sua dívida com a Cortina também em 2 pegas. De tarde fomos tentar subir a Hime pela via Canino Cascudo, mas fizemos apenas a primeira enfiada, muito bonita por sinal, e descemos em um lance esquisito da segunda enfiada. Dívida.

Pedra Hime

Risoto Funghi hmmmmmmmm

Fomos no Irmão menos do Leblon escalar uma via que lembra bastante as escaladas da Pedra da Boca: Marizel. Não existe um croqui muito bom na internet e a via é um pouco confusa, o que nos fez começar por ela e terminar pela via ao lado, mas foi uma escalada muito linda com um visual daqueles dignos da cidade magavilhosa!

Nós na Marizel, Irmão Menor

Finalmente o Pão de Açúcar!
Liguei pro Felipe chamando pra ir na Stop, achei que ele já tinha feito, não ia topar e iria sugerir outra coisa, mas a resposta foi
"Partilson!" e lá fomos nós nos enfiar na chaminé de 3° IIIsup 240m. Todos dizem que a via é tranquilona e tal, mas eu sempre soube que qualquer chaminé de 240m gastaria meus joelhos e minhas costas pelomenos um pouco...hehehe. Muito divertida a via! Chegamos no cume junto com a chuva, ótima escalada!

Chaminé Stop (escalada pela Raiz)

Pra fechar com chave de ouro, minha anfitriã me levou na Cavalo Louco com Secundo, outra via muito massa no Pão de Açúcar. A via fica ao lado da Italianos e tem um lance de VI grau beeem técnico, além de um bonito diedro na primeira enfiada e boas agarras na segunda parte.
Demos um rolé na Pista Cláudio Coutinho, onde rolou de entrar na Hotdog (7c) e em uns boulders.
Eu na Cavalo Louco

Nenhum comentário: